O que esperamos com o Eco-Museu do Cerrado Laís Aderne:

“Um ecomuseu é um espelho no qual a população olha para si mesma para se reconhecer. Um espelho que essa mesma população estende a seus hóspedes, para se fazer melhor entender no seu trabalho, seus comportamentos, sua intimidade. É um museu vivo do homem, de sua cultura e da natureza onde está inserido. Não se trata de um simples museu ao ar livre. Trata-se de um museu descentralizado, dinâmico, constituindo-se em uma rede diversificada ligada à história social, às realizações e aos anseios dos seus habitantes” (Instituto Huah do Planalto Central s/d).

);