Flora do Cerrado

“Nem tudo o que é torto é errado.

Veja as pernas do Garrincha

e as árvores do cerrado.”

(Nicolas Behr)

 

Nem só de árvores tortas vive o Cerrado, ele também oferece uma grande variedade de cactos, bromélias, orquídeas e palmeiras. O Cerrado tem 12.829 ou 27,3% de 25 mil espécies de plantas, algas e fungos nativos do Brasil, ou seja, são espécies que só existem naturalmente no país. Os dados são do estudo Flora do Brasil 2020, coordenado pelo Jardim Botânico do Rio de Janeiro. O Cerrado é uma das savanas mais ricas do planeta Terra.

Conheça as diferentes formas botânicas do Cerrado!

Arbustos

O cerrado possui uma enorme variedade de arbustos, venha conhecer melhor!

Árvores

Quem nunca subiu num pé de árvore? Venha conhecer!

Bromélias

Lembra das plantas que ficam em cima das árvores? São as bromélias, famosas por suas lindas flores e importantes para o ecossistema! Venha conhecer!

Cactus

Grandes reservatórios de água, os cactus são os guerreiros da seca no Cerrado! Venha conhecer!

Frutos

Os frutos são importantes para a dispersão das árvores e para a alimentação de toda uma diversidade faunística! Venha conhecer!

Gramíneas

As gramíneas são as representantes da maior diversidade botânica do Cerrado! Venha conhecer!

Orquídeas

As orquídeas representam o segundo maior grupo de plantas entre as Angiospermas, com cerca de 850 gêneros e mais de 26 mil espécies! Venha conhecer!

Palmeiras

São vários os usos dessas plantas por vários povos, além de serem fonte de alimento para a fauna e de abrigo! Venha conhecer!

oleo buriti_ficha

Óleos vegetais

As sementes são importantes para o nascimento das plantas, mas também para a produção de óleos!