Modelagem do comportamento do fogo com base em experimentos laboratoriais e simulações utilizando BehavePlus fire modeling system

Autor(a):

Camila Souza Silva

Resumo:

O Cerrado é reconhecido mundialmente como um hotspot de biodiversidade, abrigando um grande número de espécies endêmicas, mas está sendo ameaçado pelas ações antrópicas. O fogo, um dos elementos fundamentais para estruturação do bioma e sobrevivência de alguns organismos, vem se intensificando e causando danos para os ecossistemas presentes. O reconhecimento mundial do Cerrado e os efeitos negativos da passagem sucessiva do fogo vem estimulando o desenvolvimento de novas técnicas para prevenção, controle e combate ao fogo, como o uso de modelos matemáticos e softwares, como o BehavePlus, para prever o comportamento do fogo. No presente trabalho foram coletados material combustível das áreas de Cerrado sensu stricto, Vereda e Plantio de Eucalipto. Algumas amostras foram separadas para o cálculo da umidade do material que subsequentemente foi utilizada para as simulações no BehavePlus. O material restante foi utilizado para queima em uma plataforma de 2,0 x 1,0 x 0,3 m, onde foram medidas a velocidade de propagação, altura da chama e temperatura para o cálculo de intensidade do fogo e calor liberado por unidade de área. A vereda apresentou diferença significativa entre as demais áreas para velocidade de propagação, altura da chama e intensidade do fogo. Também apresentou diferença estatística entre as cargas para as variáveis temperatura máxima, altura da chama e intensidade do fogo. As simulações do BehavePlus apresentaram resultados discrepantes com o experimento, sendo necessário realizar mais estudos.

Referência:

SILVA, Camila Souza. Modelagem do comportamento do fogo com base em experimentos laboratoriais e simulações utilizando BehavePlus fire modeling system. 2016. x, 53 f., il. Trabalho de conclusão de curso (Bacharelado em Engenharia Florestal)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.

Disponível em:

);