As estratégias de conservação da biodiversidade na Chapada dos Veadeiros: conflitos e oportunidades

Autor(a):

Álan Gonçalves Barbosa

Resumo:

O estabelecimento de áreas protegidas é uma das principais estratégias para a conservação da biodiversidade. O Cerrado brasileiro, a savana de maior biodiversidade do planeta, tem sido objeto de ações públicas e particulares visando à conservação desta preciosa diversidade biológica através de áreas protegidas. Entre as regiões de especial interessa para a conservação da biodiversidade do Cerrado encontra-se a Chapada dos Veadeiros, localizada na região nordeste do Estado de Goiás. O presente trabalho apresenta o espaço da Chapada através da caracterização do bioma na qual ela está inserida, o processo histórico do uso dos seus recursos naturais através de uma breve história ambiental, e as estratégias de conservação da biodiversidade da região: o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, a Área de Proteção Ambiental do Pouso Alto, a rede de Reservas Particulares da região, e as propostas locais de conservação da biodiversidade. São analisados, por fim, a busca do aprimoramento destas estratégias, seguindo propostas discutidas e implantadas mundialmente, como os modelos de gestão biorregional, que tomam forma na figura da Reserva da Biosfera do Cerrado – fase II e do Corredor Ecológico Paranã-Pirineus. Este modelo busca integrar a gestão das diversas áreas protegidas de uma região e enfatizar a participação comunitária. Este processo tem produzido diversos conflitos, imposto desafios a serem superados na relação de parceria entre os órgãos públicos e as populações locais, e proporcionadas preciosas oportunidades para o estabelecimento de um desenvolvimento regional diferenciado, nas bases do desenvolvimento sustentável.

Referência:

BARBOSA, Álan Gonçalves. As estratégias de conservação da biodiversidade na Chapada dos Veadeiros: conflitos e oportunidades. 2008. 128 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Sustentável)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.

Disponível em:

);