Tantilla melanocephala (Linnaeus, 1758)

tantilla melanocephala_ficha

Nome(s) popular(es):

Coral falsa.

História natural:

Tantilla melanocephala (Linnaeus, 1758) é uma serpente de pequeno porte que apresenta hábitos terrestres e criptozoicos, vivendo dentro da serapilheira. Possui dentição opistóglifa, e é especialista em caçar lacraias, principalmente do gênero Ostostigmus. Seus displays defensivos são de fugir e liberar descargas cloacais. Seu nome científico é devido à sua cabeça preta, visto que no latim “melano” significa preto, e “cephala” cabeça.

Distribuição:

Ocorre em todo o Cerrado, possui ampla distribuição na América do Sul.

Referências:

Marques, O.A.V. & Puorto, G. (1998). Feeding, reproduction and growth in the crowned snake Tantilla melanocephala (Colubridae) from southeastern Brazil. Amphibia-reptilia 19: 311-318


Sawaya, R.J., Marques, O.A.V., Martins, M. (2008). Composição e história natural das serpentes do Cerrado de Itirapina, São Paulo, sudeste do Brasil. Biota Neotropica 8(2): 127-149


Wilson, L.D. (1999). Checklist and key to the species of the genus Tantilla (Serpentes: Colubridae), with some commentary on distribution. Smithsonian Herpetological Information Service 122: 1-34

);