Associação Capim Dourado do povoado de Mumbuca

 

 A comunidade fica próxima do município de Mateiros, no Estado de Tocantins. Ela é formada por 165 moradores, em sua maioria descendentes de escravos que saíram da Bahia em 1909 buscando melhores condições de vida. Mumbuca é literalmente uma grande família que nasceu da miscigenação de índios e negros. As famílias se misturam e todos passam a ter algum grau de parentesco. O povoado é muito acolhedor e recebe os visitantes com música e alegria.

É uma Associação de artesãs que se organizam para produzir e comercializar as peças artesanais de capim dourado. A colheita do capim é feita de 20 de setembro até o início das chuvas em novembro. A comunidade de Mumbuca respeita às técnicas de manejo sustentável do capim, embora existam pessoas da região infringindo as leis e colhendo o capim fora de época. O desafio para eles é grande, já que é a comunidade pioneira na arte do capim dourado e sabem da importância da sua preservação. Além do turismo, outro fator que está revolucionando a economia local é a crescente popularidade do artesanato de capim dourado. A planta, que só existe nessa região, permite a realização de trabalhos de extrema beleza. As bolsas, cintos, pulseiras, bandejas, descansos e chaveiros feitos com a palha ficam com a aparência e o impressionante brilho do ouro. Valorizadas quase como o metal, algumas peças de capim dourado chegam a custar US$ 500,00 no exterior. A arte originou-se no vilarejo de Mumbuca, TO, composto por remanescentes de antigos quilombos que ainda enfrentam sérios problemas sociais, como desnutrição e falta de saneamento básico e doenças, como a hanseníase. O artesanato, no entanto, está começando a melhorar a vida no local. Além disso, a demanda já é tão forte que a técnica hoje é difundida nas diversas vilas da região. Com isso começam a surgir as primeiras associações de produtores, tendo os turistas como principal mercado consumidor. 

 

Bolsas, cintos, pulseiras, bandejas, descansos, chaveiros.

Endereço: Estado de Tocantins – Município de Mateiros.

Telefone: (63) 99245-4947

E-mail: lana_turjalapao@hotmail.com

 

Site: Não Possui 

Conheçam as suas redes sociais

Referências

CARDOSO, Ilana Ribeiro. Texto mumbuca. Acesso em: 01/08/2020.

);