Exposição "Brasil Krahô – Filhos do Cerrado"

O Memorial dos Povos Indígenas recebe a exposição fotográfica Brasil Krahô — Filhos do Cerrado, do fotojornalista Leopoldo Silva. A mostra reúne mais de 70 fotografias inéditas dos povos Krahô, tiradas entre os anos de 2010 e 2018, com intuito de trazer elementos da cultura indígena e proporcionar visibilidade a esses povos.

Leopoldo Silva acompanhou de perto a comunidade Krahô, que vive no nordeste do estado do Tocantins, na terra indígena Kraholândia, uma área de cerrado preservada. Com uma população que gira em torno de 3 mil habitantes, distribuídos em 25 aldeias, praticantes do extrativismo, agricultura familiar e, principalmente, do enaltecimento da própria cultura. As fotos de Leopoldo remetem ao dia a dia, a celebrações, a tradições culturais e aos traços de personalidades desse povo.

Leopoldo descreve a sua motivação em realizar a exposição. “A ideia central é mostrar e dar visibilidade a esses povos”, acrescenta, “São nossos antepassados que viveram e lutaram para preservar sua cultura”. O fotógrafo afirma que as pessoas podem esperar uma exposição fotográfica enriquecedora, em que expõe a beleza e simplicidade do povo Krahô. “Terão uma visão muito positiva sobre a questão indígena, quem não tiver conhecimento, vai se impressionar”, completa. “Sou fotógrafo a vida inteira, então minha paixão é a fotografia”, lembra Leopoldo, que adiciona a importância que confere ao povo Krahô. “Quando os conheci, uniu essas duas paixões”, acrescenta.

 

De 5 de maio a 12 de junho. De terça a domingo das 9h às 17h. Local: Memorial dos Povos Indígenas (Em frente ao Memorial JK) Plano Piloto, Brasília – DF. Entrada gratuita

);