Hilton Monteiro Cristovão

Sou engenheiro eletrônico formado pelo Instituto Tecnológico de Aernáutica ( ITA ), meu saudoso pai Pedro de Assis sempre foi um grande incentivador de assuntos relacionados com a natureza e foi através do amigo fotógrafo Haroldo Palo Júnior ( in memorian ) que passei a fotografar animais silvestres.


Minha primeira viagem fotográfica, há uma década, ocorreu ao cerrado e ao Pantanal do Mato Grosso. Essa viagem foi o marco do que se tornaria uma grande paixão, a fotografia da fauna e flora silvestres. Depois vieram muitas outras viagens ao centro-oeste e à Amazônia, algumas como convidado do ICMBio. Meu lema é “rastejou, andou, voou, eu fotografo. Sem esquecer das belas e lindas flores silvestres.” Faço parte do grupo OBSERVAVES que reúne fotógrafos da natureza, em sua maioria residentes no Cerrado. Em minhas expedições sempre tenho apoio logístico de minha esposa Telma Regina Magri.

Eu lembro quando vi a primeira árvore retorcida, típica do Cerrado, achei estranho, mas aquilo era o sinal do enorme constraste de campos extensos entrecortados por árvores espassadas, aliados a uma grandiosa diversidade de fauna que ali habita, incluindo mamíferos de pequeno, médio e grande porte. O Cerrado é um celeiro de nascentes de rios importantes que irrigam o Brasil de norte a sul, de leste a oeste.
O Cerrado é um paraíso para fotografia, tenho fotos de peixes, de flores silvestres, frutas silvestres, aves, borboletas, quelônios e mamíferos.

Telefone: (27) 98127.8365
Facebook: https://www.facebook.com/hilton.monteirocristovao ( Hilton Monteiro Cristovão )
Instagram: @hilton.monteiro.cristovao

Conheça um pouco mais da arte de Hilton Monteiro Cristovão