Arqueologia em Goiás

A presença das populações indígenas que ocuparam o território goiano é uma constante nos sítios arqueológicos cadastrados pelo Iphan. Até dezembro de 2014, o Instituto reuniu dados sobre 1.246 sítios distribuídos por todo o Estado de Goiás, onde há vestígios de aldeias, acampamentos, cemitérios, grutas e oficinas líticas. Dentre os sítios mais conhecidos, estão os que apresentam grande quantidade de grafismos rupestres, como aqueles encontrados em Serranópolis. Em outros municípios – entre eles Palestina de Goiás, Porangatu, Caiapônia, Itajá, Quirinópolis, Santa Helena de Goiás e Baliza -, também foram cadastrados sítios arqueológicos com arte rupestre e oficinas líticas.

 

Fonte: http://portal.iphan.gov.br/pagina/detalhes/591/

);