O Cerrado não vive por si só!

A Rede de Comercialização Solidária de Agricultores Familiares e Extrativistas do Cerrado por meio de uma orgânica e densa rede comunitária de grupos sociais com uma enorme capilaridade geográfica nesse territórios que, até aqui, vinham sendo ignorados – agricultores familiares, extrativistas, pescadores, vazanteiros – conquistam os direitos e o reconhecimento de seu notório saber de se organizar em rede sobre um território através de suas práticas e da sua prévia organização político-comunitária, desencadeada em 2001 através da luta por “Terra, Água e Biodiversidade: Reservas Extrativistas no Cerrado”.

 

Para conhecer mais sobre a campanha, acesso o site:http://emporiodocerrado.org.br/site/quem-somos/

);